Por: Andréa Leonora

Cerca da metade dos investimentos da Centrais Elétricas de Santa Catarina (Celesc) programados para 2020, de R$ 1,2 bilhão, será feita com recursos da emissão de debêntures. A estimativa é captar cerca de R$ 520 milhões, além dos R$ 37 milhões que já estão sendo aplicados na PCH de Celso Ramos. No ano passado, a companhia intensificou sua presença no mercado e aos poucos a elétrica EDP Brasil, subsidiária da multinacional portuguesa EDP, foi comprando ações até tornar-se a maior acionista, detendo 23,56% do capital social. As outras fontes dos investimentos são oriundas do próprio lucro e do financiamento em curso com o Banco Interamericano de Desenvolvimento (BID). De janeiro a setembro de 2019, a empresa apresentou lucro líquido de 218,3 milhões, montante 17,9% superior ao do mesmo período do ano anterior. Segundo o presidente, Cleicio Poleto Martins, o planejamento objetiva atender a expansão do mercado. “O crescimento médio global de consumo de energia elétrica esperado para este ano é de 3,56%”, disse. Do total dos investimentos, R$ 833 milhões vão para distribuição, geração e novos negócios e os maiores desembolsos vão para a região Norte, de R$ 119 milhões e Oeste (R$ 53 milhões). “Também daremos continuidade ao Programa Celesc Rural, com a substituição de redes monofásicas por trifásicas e a instalação de cabos protegidos”, acrescentou.

 

Coronavírus na economia

A alta disseminação do coronavírus tem influenciado o comércio exterior e preocupado investidores de todo o mundo, já sendo possível sentir os reflexos como a queda da bolsa de valores e a instabilidade do dólar comercial. O diretor comercial da Ativo Soluções em Comércio Exterior, Aron Flemming Brito, de Florianópolis, comentou que o vírus deve impactar diretamente a economia global. Segundo ele, um empresário de uma grande rede, cliente da Ativo, recebeu um comunicado que alguns itens importados da China já estão em falta e outros tiveram um aumento de 8%. “Vamos ter uma alta no preço de vários itens importados, tanto pelo aumento do dólar, como pela parada das fábricas chinesas no prolongamento do ano novo chinês e também em função da alta demanda prevista pós-controle da doença”, estimou.

 

O melhor janeiro da história da SC Transplantes. Foram doados 35 órgãos em todo o Estado. Hoje (domingo, 02) uma ação integrada da SC Transplantes e do Serviço Aeropolicial da Polícia Civil garantiu o transporte rápido de um fígado e dois rins, do município de Tubarão para a capital, de onde serão distribuídos. Para nós, a vida não tem preço.”

Governador Carlos Moisés da Silva, comemorando, no Facebook, os bons números das doações de órgãos em SC

 

Repatriação Ao final da sessão de abertura do ano legislativo, o ministro-chefe da Casa Civil, Onyx Lorenzoni, afirmou que governo vai editar uma MP sobre medidas de prevenção ao coronavírus, incluindo uma quarentena sanitária. A medida pode permitir repatriar brasileiros que estão na China.

Centro de Eventos O governo do Estado, por meio da Santur, publicou sexta-feira (31) o edital de licitação para exploração, operação e promoção do espaço do Centro de Eventos de Balneário Camboriú. A concessão do equipamento é a primeira do Programa de Parcerias e Investimentos (PPI-SC). A abertura da sessão de concorrência se dará no dia 31 de março.

70 Anos A Fiesc lançou na sexta-feira (31) campanha para comemorar seus 70 anos de fundação. O slogan “Indústria, Estado da Arte” remete ao conceito de que “produzir é uma arte”. A entidade prevê uma série de eventos e ações em todas as regiões. Uma grande programação está prevista para a Semana da Indústria a ser realizada de 25 a 29 de maio, com temas de interesse da indústria e atividades artístico-culturais.

Acabou o recesso A Alesc retoma as atividades com mais de 400 propostas em tramitação nas comissões permanentes da Casa., entre elas, a Reforma da Previdência dos servidores estaduais. A primeira atividade será a sessão especial para a leitura da Mensagem Anual do Governador, na terça-feira (4).

Alimentação saudável Nutricionistas das empresas Nutriplus e Risotolândia, que fornecem alimentação escolar na rede estadual de ensino, vão percorrer as unidades de ensino atendidas para repassar aos alunos informações sobre hábitos e alimentação saudável. O tema do programa Intervalo Orientativo do primeiro semestre deste ano será No Mundo das Vitaminas.