Por: Coluna Pelo Estado

Na noite desta terça-feira, 28, a Prefeitura de Blumenau divulgou que os 63 leitos de UTIs disponíveis na rede pública e privada da cidade estão sendo usados por pacientes em tratamento da covid-19, atingindo 100% de ocupação. No entanto, nesta conta não são contabilizados os 31 leitos que a cidade abriu no período da pandemia, dos quais 11 estão em uso. A confusão ocorre porque o município calcula a taxa de ocupação de forma separada entre os leitos que já existiam e os novos.

A taxa real de ocupação dos leitos destinados para tratamento da covid-19 em Blumenau é de 78%. O município dispõe de 94 vagas das quais 74 estão ocupadas. Em toda a região do Vale do Itajaí, segundo dados da Secretaria de Saúde do Estado, onde há 236 leitos ativos, 194 estão ocupados (82%).

Boletim divulgado na terça-feira, 28 de julho pela Prefeitura de Blumenau

Segundo assessoria de imprensa do município, a contagem separada da taxa de ocupação se dá pela classificação dos leitos: os antigos e os chamados “leitos de guerra”, que são justamente os 31 novos abertos durante a pandemia. A municipalidade informou também que a situação não é tranquila, mas está sob controle. Os 31 novos leitos estão distribuídos entre os três hospitais da cidade e vão permanecer em funcionamento após o fim da pandemia.

Em todo o estado, já são 12 as regiões classificadas com “Risco Gravíssimo”, o que representa 75% das regiões de saúde em situação de risco. Da última semana para esta, três novas regiões foram reclassificadas do Risco Grave para Gravíssimo: Alto Uruguai Catarinense; Alto Vale Do Itajaí e Planalto Norte.

Continuam no estado de alerta máximo as regiões Carbonífera; Extremo Sul Catarinense, Foz Do Rio Itajaí, Grande Florianópolis, Médio Vale Do Itajaí; Meio Oeste, Nordeste, Oeste e Xanxerê.

Santa Catarina tem 960 óbitos registrados pela pandemia e mais de 73 mil casos registrados. O estado vive o pior momento da pandemia com registros da doença em 293 dos 295 municípios.

Blumenau é a terceira com maior número de mortes, com 46 óbitos segundo dados da Secretaria de Saúde do Estado. Joinville tem 110 mortes e Itajaí 90.

Fábio Bispo/Pelo Estado