Por: SC Portais

Praticamente toda a manhã desta sexta-feira (4) foi dedicada à solenidade de comemoração dos 183 anos de criação da Polícia Militar de Santa Catarina, em Florianópolis. Pouco antes do começo da solenidade, o Tribunal de Justiça (TJ-SC) firmou a doação de R$ 6,2 milhões para que a PM-SC possa abrir licitação internacional com vistas à aquisição de cerca de 2 mil câmeras corporais, instaladas nos coletes e nos uniformes dos agentes, permitindo o registro de vídeo e áudio em ocorrências (Leia matéria completa em scportais.com.br).

Comandante Araújo Gomes entrega medalha ao governador Eduardo Moreira | Foto: Andréa Leonora

Já durante a solenidade, civis e militares receberam o reconhecimento da corporação. Entre eles, o próprio governador Eduardo Moreira, que homenageado com a Medalha de Mérito Policial Militar Coronel Lopes Vieira. Em seu discurso, ele comemorou os avanços da Segurança Pública catarinense que, com sucessivas operações, vem reduzindo o número de ocorrências. De janeiro a abril, crimes violentos como homicídios e latrocínios tiveram, respectivamente, queda de 13,9% e 28,6% na comparação com o mesmo período de 2017.

Juntos, comandante e governador deram ordem para mais uma operação policial – 24 horas com mil policiais em atuação ostensiva nas ruas | Foto: Andréa Leonora

Ao final da comemoração, o governador Moreira e o comandante-geral da PM-SC, coronel Araújo Gomes, deram comando para o início de mais uma operação de segurança. Batizada de 24/1000, representando 24 horas com a presença ostensiva de mil policiais militares em áreas residenciais e comerciais da Grande Florianópolis, a operação é “uma demonstração de força da corporação”, conforme explicou Araújo Gomes.

 

“A decisão do STF de restringir o foro especial para deputados e senadores vai ao encontro do que espera a sociedade brasileira e esclarece o dispositivo constitucional que trata da matéria. Não cabe questionamento ou contestação à decisão. É preciso acabar com privilégios! Todos devem ser iguais perante a lei.”
Senador Paulo Bauer (PSDB-SC), líder da bancada tucana no Senado

Adoção 1 Começou nesta sexta-feira (4), em Blumenau, uma série de encontros para falar sobre adoção de crianças e adolescentes em Santa Catarina. Outros cinco eventos já estão programados  para Lages (25/05), Criciúma (07/06), Porto União (14/06), Joinville (21/06) e Chapecó (29/06). A iniciativa é da Comissão de Defesa dos Direitos da Criança e Adolescente, da Assembleia Legislativa, presidida pelo deputado Vicente Caropreso (PSDB).

Adoção 2 Para o parlamentar, o perfil idealizado pelos candidatos a adontantes não condiz com a realidade das crianças que aguardam o acolhimento de uma família. “Cerca de 80% dos inscritos desejam adotar crianças com até 3 anos e sem irmãos. Por isso,  precisamos trazer a sociedade para o debate e dar a crianças e adolescentes o direito de viver em família”, justificou. Inscrições e mais informações: e-mail cca.alesc@gmail.com ou telefone (48) 3221-2973.

Debates Lideranças políticas e pré-candidatos ao governo do Estado participaram da primeira etapa do Ciclo de Debates Político Socioeconômico, promovido pelas Organizações Maçônicas catarinenses (GOSC, GLSC e GOB-SC) em oito regiões do estado. Esperidião Amim (PP), Mauro Mariani (MDB), Jorginho Melo (PR) e Paulo Bauer (PSDB) estiveram na etapa de Joinville, realizada  na quinta-feira. O próximo encontro será na segunda-feira (7), em Itajaí. Com temas como infraestrutura, segurança, educação, saúde, desenvolvimento econômico, meio ambiente e gestão pública, todos os encontros são abertos ao público e gratuitos.

Prêmio A ADVB-SC divulgará na terça-feira (8) o vencedor do Prêmio Personalidade de Vendas 2018. Os finalistas foram Daniel Dimas (Grupo Dimas), Marcelo Vieira (Unike Group), Mário Lanznaster (Aurora Alimentos), Pedro Assis (Agemed) e Zefiro Giassi (supermercados Giassi).