Por: Coluna Pelo Estado

O setor produtivo catarinense manifestou apoio às novas medidas anunciadas pelo Governo, ou seja, o novo período de 14 dias com regras restritivas em determinadas atividades.

Conforme decreto publicado pelo governador Carlos Moisés (PSL), na segunda-feira, 13, estão proibidos eventos e competições esportivas, incluindo aí o Campeonato Catarinense, além de cinemas, teatros, casas noturnas, museus, eventos, shows e outros espetáculos com público.

“Santa Catarina depende da plena atividade destes setores, que serão nosso diferencial para a recuperação da economia após esta crise sem precedentes. Precisamos garantir sua volta segura. Até que isto aconteça, esperamos que o governo dê sustentação e apoio às empresas e os empregos desses segmentos”, afirma o presidente Bruno Breithaupt.

Moisés disse que o objetivo é achatar a curva de contágio nas regiões catarinenses para evitar um colapso do sistema hospitalar. Com a gestão compartilhada, os prefeitos podem adotar medidas mais restritivas, de acordo com a realidade da região.

A nota do Conselho das Federações Empresariais de Santa Catarina (COFEM) reiterou “a necessidade da ação cooperativa de todos os entes federativos” neste momento crítico.

:.Leia o PDF da Coluna Pelo Estado desta quarta-feira, 15 de julho

Superior

UFSC é a nona entre as melhores instituições de ensino superior da América Latina.

Em meio a tantas incertezas trazidas pela pandemia de coronavírus, a boa notícia no meio acadêmico é a presença da UFSC no mais recente ranking elaborado pelo THE (Times Higher Education). A Federal de SC subiu da 12ª para a nona entre as melhores instituições de ensino superior da América Latina. Além disso, a UFSC agora é a terceira do Brasil, atrás da UFMG (Minas Gerais) e da Unifesp (Federal de SP). São considerados cinco indicadores principais: ensino, pesquisa, citações, visão internacional e transferência de conhecimento para a indústria.

Particulares 

A maioria das universidades e faculdades privadas pretende retomar a rotina de aulas presenciais em agosto próximo. Quem garante é o presidente da Associação de Mantenedoras Particulares de Educação Superior de SC, Cesar Augusto Lunkes. O Estado tem 362 mil alunos no ensino superior, 195 mil no setor privado.

Mulheres

Empresas de Caibi, Iporã do Oeste, Itapiranga, Maravilha, São José do Cedro e Tunápolis, no Oeste catarinense, foram selecionadas para o Programa de Desenvolvimento do Sebrae Delas Mulher de Negócios, até dezembro de 2020. A iniciativa, 100% digital e gratuita, visa fomentar o empreendedorismo feminino e selecionou 500 empresárias de todo o território catarinense para participar.

Indústria

A Federação das Indústrias promove na quinta-feira, 16, às 10h30, webinar para debater a harmonização e a padronização dos procedimentos operativos da fiscalização federal sobre os produtos agropecuários na exportação e importação. O evento virtual será transmitido pelo canal do Youtube da FIESC. Também participa a Unidade de Vigilância Agropecuária Internacional do Ministério da Agricultura.