Por: Coluna Pelo Estado

O alerta foi disparado pelo governador de Santa Catarina. Durante visita a municípios da Região Carbonífera, esta semana, Carlos Moisés da Silva (PSL) destacou que o crescimento de casos da Covid-19 preocupa. Conforme o boletim do coronavírus divulgado pela Secretaria da Saúde (SES) na noite de quinta-feira (20), o estado tem o maior número de pacientes em tratamento contra a doença em 33 dias. São 21.115 pessoas que têm a capacidade de transmitir o vírus nessa situação. A atenção se impõe com a chegada do inverno, uma vez que o frio facilita a transmissão da doença. “Nossos gráficos indicam, nossos mapas indicam. Eu já recebo dos governadores dos estados vizinhos notícia de que tem reflexo tanto no número de casos ativos, casos de óbitos, já tem reflexo, negativo obviamente, de uma onda que se aproxima. Em Santa Catarina não será diferente”, disse o governador.

Conforme os dados publicados pela secretaria de Saúde, a taxa de ocupação de leitos de Unidade de Terapia Intensiva (UTI) da rede pública está em 93,16%. Se forem levados em conta apenas os leitos para adultos e reservados para Covid, a taxa é de 94,36%. Neste momento, 27 pessoas estão à espera por um leito em UTI. Se detalhar por região, apenas a Grande Florianópolis tem taxa inferior a 90%. Na região da Capital, a taxa está em 83,50%. A região do Grande Oeste é a que mais chama atenção, com 98,10% de ocupação; seguido do Sul (96,05%); Meio Oeste e Serra Catarinense (95,55%); Vale do Itajaí (95,54%); Planalto Norte e Nordeste (94,18%) e Foz do Rio Itajaí (90,80%).

Neste sábado, 22, será divulgada a Matriz de Risco Potencial atualizada. Na semana passada, Grande Florianópolis, Médio Vale do Itajaí e Nordeste regiões de Santa Catarina estavam classificadas em patamar grave e outras 13 na situação gravíssima para a transmissão da Covid-19.

Seca se agrava nas regiões Oeste e Extremo Oeste de SC | Foto Divulgação/Comitê de Bacias de Chapecó

Seca

O Boletim Hidrometeorológico Integrado do Estado indica que volumes de chuva mal distribuídos na primeira quinzena de maio contribuíram para o agravamento da seca no Oeste e Extremo Oeste catarinense. Já no Litoral, a precipitação foi próxima à média, mantendo-se em situação de normalidade. Dentre os 295 municípios de Santa Catarina, 163 estão em estado de normalidade; 99 de atenção; 4 de alerta, e 17 em situação crítica frente à estiagem. Além disso, 12 cidades não encaminharam informações da situação.

Contas do Estado

 O governador Carlos Moisés esteve no Tribunal de Contas do Estado esta semana para visita ao presidente Adircelio de Moraes. Além de conversa institucional entre os poderes, houve a confirmação da data em que as contas do Executivo estadual serão apreciadas pelo TCE/SC: quarta-feira, dia 2 de junho, às 14h. A considerar o desempenho do ano passado, quando a corte de contas aprovou a prestação do Governo do Estado por unanimidade e com o menor número de ressalvas da década, o resultado deve ser bastante positivo.

Maldaner

O deputado Valdir Cobalchini apresentou Projeto de Lei na Assembleia Legislativa que denomina Governador Casildo Maldaner, o Centro Administrativo de Santa Catarina.  A iniciativa do parlamentar é uma homenagem ao ex-governador do Estado que morreu por complicações de um câncer no cérebro no início desta semana. “Casildo Maldaner foi uma liderança unânime entre emedebistas, aliados e adversários. Buscamos uma homenagem que lembra sua importante contribuição a Santa Catarina”, afirma o deputado.

Notebook

Entrou em tramitação na Assembleia Legislativa Projeto de Lei do Poder Executivo com o objetivo de viabilizar a distribuição de notebooks para professores da rede pública estadual. O programa também garante aos professores o acesso gratuito à internet. Os professores efetivos receberão os equipamentos gratuitamente, ficando responsáveis pela manutenção dos mesmos. Já os profissionais contratados em caráter temporário (ACTs) receberão em regime de comodato (empréstimo) enquanto estiverem em atividade nas escolas estaduais.

Ewaldo Willerding